Secretaria Municipal de Saúde realiza Mutirão de Consultas para pacientes na fila da Regulação

untitledDando seguimento à série de ações instituídas pela gestão Emanuel Pinheiro, visando cumprir os princípios da humanização dos serviços de saúde para a população, a Secretaria Municipal de Saúde realiza neste sábado o 5º Mutirão de Consultas Especializadas, que acontecerá neste sábado, 25, das 8h às 17h, no Centro de Especialidades Médicas – CEM.

Segundo o superintendente da Central de Regulação, João Milanez, o Mutirão é uma ação da Secretaria Adjunta de Planejamento e Operações com o apoio da Secretaria Adjunta de Assistência em Saúde, para os pacientes que já estão na fila de espera da Central de Regulação.

“Vamos ofertar um total de 1.000 consultas para as seguintes especialidades: ortopedia, oftalmologia, ginecologia, endocrinologia, otorrinolaringologia, urologia, dermatologia, gastrologia, cardiologia, cirurgia pediátrica, psiquiatria, psicologia, neurologia, pneumologia e nefrologia.

É importante ressaltar que as consultas são exclusivamente para pacientes que aguardam esse atendimento na fila de espera, tanto de Cuiabá quanto de outros municípios”, comenta Milanez.

Lileine Silva, coordenadora da Central de Regulação explica que esse projeto vem sendo desenvolvido mensalmente e as consultas ofertadas são realizadas por médicos especialista da rede para dar andamento à demanda represada.

“Esse projeto vem surtindo efeito, pois foi iniciado com uma fila de pacientes do ano de 2015, e atualmente já avançou para atendimento de pacientes com solicitação do final do ano de 2017 e 2018. A proposta é que possamos diminuir esse tempo em 90 dias de espera, que é o período digno de promoção e diagnóstico de saúde”, explica a coordenadora.

Milanez reforça a importância da população que foi convocada para o Mutirão de comparecer neste sábado ao Centro de Especialidades Médicas. “Temos um alto índice de absenteísmo e estamos tentando combater isso. Nós temos feito esforços para diminuir a fila de espera da Central de Regulação, mas precisamos que os pacientes convocados façam a sua parte, que é o de comparecer no dia para o qual foi convocado. Se todos atenderem o chamado, conseguiremos oferecer atendimentos mais rápidos e eficientes para a população”, finaliza.

 

24 horasnews

COMPARTILHE

DEIXE UMA RESPOSTA