Trapezista do Circo Broadway morre após 15 dias da queda em apresentação em VG

untitledA magia do circo amanheceu  triste nesta terça-feira com a notícia da morte do trapezista Rogendegson Ramos de Abreu, 33 anos, que caiu de uma altura de 8 metros quando fazia o que mais gostosa: apresentação para as crianças e adultos amantes da magia circense, das belas acrobacias, da coragem e o arrojo em uma barra de ferro pendurada no alto da lona em duas cordas.

Integrante do circo Broadway, onde se apresentava como trapezista e locutor, Rogendegson não resistiu a queda acontecida em sua apresentação no último dia 3 de junho, próximo ao Shopping de Várzea Grande. Ele fazia uma apresentação quando aconteceu o acidente e caiu fora da rede de proteção.

Lutou contra morte desde então. Mas, seu quadro de saúde piorou na segunda-feira e nesta madrugada seu corpo não resistiu as muitas fraturas e ao traumatismo craniano.

O irmão do trapezista, Robert Ramito, lamentou a morte de Rogendegson, a quem fazia questão de dizer que era um dos melhores acrobatas do Brasil, mas assegurou que o “espetáculo não pode parar” e que o circo fará um grande homenagem a um de seus maiores astros ainda nesta semana.

24 horasnews

COMPARTILHE

DEIXE UMA RESPOSTA