PM de Mato Grosso é executado ao chegar em sua residência

untitledum policial militar de Mato Grosso foi assassinado a tiros na noite desta segunda-feira no distrito de União do Norte, em Peixoto de Azevedo, a 698 km da capital. O crime foi em frente a casa do miltar.

Informações preliminares dão conta que o soldado Moshe Dayan Simão Kaveski, de 28 anos, foi baleado várias por um homem gordo e de roupa escura quando saiu do carro para abrir o portão. A esposa tinha ido guardar sua moto no mesmo imóvel.

Moshe havia feito recentemente o concurso para promoção na carreira militar. Ele tentava ser promovido para cabo.

Inicialmente, a PM suspeita de crime de latrocínio. No entanto, outras suposições serão analisadas, até de cunho passional.

O autor dos disparos fugiu num veículo desconhecido. Forças de segurança montaram barreiras nas cidades de Peixoto, Matupá e Guarantã do Norte na busca pelo assassino.

24 horasnews

COMPARTILHE

DEIXE UMA RESPOSTA